sábado, 31 de dezembro de 2011

O SÉCULO DO DRAGÃO .


.

2012 .


.

CROMOS ANTIGOS, SAUDADE LOUCA .


Dois dos mais famosos internacionais da bola,
dos anos 40/50, quando o Porto ainda gatinhava
nos meandros do futebol .
Recordo ainda, entre outros, Barrigana, Azevedo,
Peiroteu, Félix, Travassos, Francisco Ferreira,
Patalino, Arsénio, Corona, Pedroto .
.

CHARLES DICKENS .


.

ESTRELA deCADENTE .


.

AGUARELAS DO PAI - 45 .


.

sexta-feira, 30 de dezembro de 2011

PREGÃO DOS ARDINAS .

LISBOA

CAPITAL

REPÚBLICA

POPULAR


Malandrice que os jornalistas, nos anos sessenta,
pregavam aos ardinas mais jovens, ensinando-lhe a
apregoar os quatro vespertinos então existentes
em Lisboa, por esta ordem .

A frase, parece não ter um significado especial, e
estará deslocada nos dias de hoje.
Contudo, antes do 25 de Abril, a Pide perseguia os
incautos menos avisados, pois era considerada
subversiva, dado o pretenso sentido menos respeito-
so, que ela parecia conter, para as autoridades por-
tuguesas.

Todos estes jornais já desapareceram de cena .

E tudo o vento levou ...
.

.

SERRANIAS - 48 .


.

AZAR DOS CARECAS .


.

AGUARELAS DO PAI - 44 .


.

AGUARELAS DO PAI - 43 .


.

TELAS - 38 - BOTERO, O RAPTO DA EUROPA .


.

TELAS - 37 - NADIR AFONSO, O RAPTO DA EUROPA .


Quadro expressamente pintado por Nadir Afonso,
para o especial Diário de Notícias, dedicado
ao Ano 2011.
.

quarta-feira, 28 de dezembro de 2011

ROMAGEM - 22 - LOUSÃ, CASTELOS DE XISTO .


.

NATUREZA MORTA .


.

RAIOS X - 4 .


.

O GOVERNO DE PORTUGAL .


.

ROMAGEM - 21 - RIO, O CRISTO - PÁSSARO .


.

ROMAGEM - 20 - SERRA DA ESTRÊLA, PENHAS DA SAÚDE .

AUTO RETRATO - 55 .


.

SERRANIAS - 46 .


.

UMA LUZ NO ESCURO .

AGUARELAS DO PAI - 41 .


.

terça-feira, 27 de dezembro de 2011

O INVERNO .


.

A ESPERA SILENCIOSA .


.

NIGÉRIA, Dez. 2011 .


.

AGUARELAS DO PAI - 40 .

O RICOCHETE

As pessoas habituam-se a viver cada vez mais sòzinhas .
Provavelmente, é essa a sua segunda natureza.

Alguém, um dia, comentou :

Pois não nascemos e morremos sós...

É verdade.
Fala-se muito, e cada vez mais, das redes sociais,
mas isso é, tão só,
uma maneira das de nos esconder-mos
por trás das nossas nossas máscaras de serviço.

Fartei-me de ser prestável,
de bombardear os outros
com a pieguice dos afectos,
como se fosse isso que desejassem .
É como a história da vèlhinha,
que não queria atravessar a passadeira;
Tiveram que a empurrar...

Agora,
visto a armadura da indiferença .
Reduzi o desperdício dos sentimentos .
Estou a poupar-me .
Quero amortecer a minha mágoa,
á espera do futuro .

Até um ou outro afectozito,
que de longe, me atiram,
por piedade,
faz ricochete
na minha dura couraça
de ressentimentos .
.

SERRANIAS - 45 .


.

AS PRATINHAS .



Quando eu era criança,
(será que eu alguma vez fui criança,
ou nunca deixei de o ser ?),
mal me lembro do Natal .
O meu menino Jesus era sempre
um dos meus irmãos mais novos .
Vantagem das famílias numerosas ...

Nunca soube o que era ter uma prenda a sério .

Os meus presentes de Natal
eram um ou outro chocolatezito,
ou cigaros de chocolate,
embrulhados em pratinhas de cores fabulosas,
os meus, claro,
e os que as outras pessoas me davam.
Foi assim,
que fiquei com o vício ...

Ainda hoje,
tento agarrar as pratinhas,
que o resto do pessoal amarrota furiosamente,
e deita para o lixo .
Que desperdício.
Que mau gôsto .
Que magra sensibilidade .

As pratinhas foram (são ainda)
uma parte importante dos meus sonhos .

Guardem-me PRATINHAS...
.

segunda-feira, 26 de dezembro de 2011

AGUARELAS DO PAI - 39 .


.

PENSAMENTO .

Afinal, mandar estupidamente,
não me parece ser o mais grave de tudo;

Muito mais grave, é obedecer cegamente,
não tentando sequer saber,
se as ordens dadas,
fazem quarquer sentido .
.

PRESÉPIOS - 4 .


Col. Particular .
.

Presépios - 4 .


Colecção .

PRESÉPIOS - 3 .


Colecção Particular .
.

PRESÉPIOS - 2 .


Col. Particular .
.

PRESÉPIOS - 1 .


Col. Ant.º José Miranda Garcia .
.